13.7.08


Tu


Tu
doce acre
linfo possuído
que a terra grita.
Amo-te assim
neste lado do barco.


Eduardo White