4.5.08


Outono I


o poente derrama
oiro por toda a parte

caindo sobre o chão
e as aves

retida sob o manto
das faúlhas brilhantes

eu canto

apenas canto
a luz da tarde


Glória de Sant'Anna